Translate

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

BOM HUMOR É FUNDAMENTAL

“Três coisas são essenciais para se carregar os pesos da vida: a esperança, o sono e o sorriso”
Immanuel Kant, filósofo

Desculpem-me os mal-humorados, mas bom humor é fundamental.
Ao desenvolver qualquer trabalho tenho que estar bem-humorada, embora não seja fácil estar sempre com esse espírito.
O mínimo que as pessoas merecem ao estar em nossa companhia é ser bem-tratadas, mesmo porque problemas todos nós temos, mas o próximo não tem culpa dos nossos.
Muitos se irritam a toa, desgastando a si e a imagem pessoal. Esquecem-se de que os momentos não voltam jamais.
Tenso, o nosso organismo detecta as emoções negativas, transformando-as em doenças, sendo que não devemos nos deixar dominar por elas.
A raiva duplica a probabilidade de uma crise cardíaca nas duas horas seguintes. Portanto dominar o humor pode se tornar uma questão vital.
Se os sintomas persistirem, procure um médico, pois pode ser distimia, a doença do mau humor.
A seguir, alguns conselhos dos especialistas:
. Identifique e fale sobre o problema, sem ser piegas ou cansativo.

. Identificado o problema, busque a solução, porque ela sempre existe.
. Respeite o seu ritmo, procure não fazer nada que o esgote.

. Descanse e durma bastante para estar bem disposto.
. Fique em contato com a natureza; se possível tenha um hobby ao ar livre.

. Pratique qualquer esporte, pois o aumento da temperatura do corpo provoca sensação de bem-
estar.
. Dance, cante, leia bons livros, caminhe, faça ioga, meditação, namore e relaxe.
. Prefira uma alimentação balanceada e correta.
. Produza-se, embeleze-se, adorne-se, tenha alguns momentos para se cuidar.
. Procure estar em companhia de pessoas positivas.
. Cultive o otimismo e afugente o mau humor sorrindo.

Distimia” é uma forma de desordem de humor da
depressão que se estende por pelo menos dois anos, e se caracteriza pela falta de prazer ou divertimento na vida. Difere-se da depressão nervosa quanto ao grau dos sintomas. Apesar de geralmente não privar o indivíduo de suas tarefas e obrigações, impede que ele desfrute a vida totalmente.

Referência: Google, Wikipédia, a enciclopédia livre.


Nenhum comentário: