terça-feira, 13 de julho de 2010

COMPORTAMENTO EM VIAGENS DE NEGÓCIOS

Particularmente, acredito que viagens a negócios devem se restringir quase que absolutamente do quarto de hotel ao local de trabalho, mesmo porque temos que estar descansados e preparados para desempenhar ao máximo nossas funções.

Por isso, quanto menos badalação melhor, mas às vezes acontece um evento que, por um motivo qualquer, queremos ou temos que comparecer.

Nesses momentos é importante lembrar que nossa imagem pessoal estará em evidência, porque representamos a empresa que nos contratou para realizar o serviço e a nós mesmos e, caso tenhamos a companhia de colegas ou chefe, seremos observados.

Seguem algumas regrinhas para uma boa estadia, divertir com limite e sem dar mancada:
• Ao dividir o apartamento com colegas, seja organizado com seus pertences.
• Seja civilizado ao utilizar o banheiro: evite longos banhos, distribuir os produtos de seu nécessaire pela bancada, ao sair, deixe-o impecável.
• Utilize somente a metade do armário.
• Evite leituras intermináveis com a luz acesa.
• Deixe seus objetos pessoais na mala em perfeita ordem.
• Evite ler ou assistir à televisão até altas horas, incomodando o colega.
• Caso seja fumante, utilize as áreas permitidas.
• Se estiver cansado, recuse participar de baladas e diga que prefere descansar para as atividades do dia seguinte.
• Se participar da balada, evite excessos para não destruir a boa imagem que construiu.
• Se for solicitado a fazer tarefas extras, diga que estas poderão comprometer suas atividades principais.
• Seja discreto nas áreas de circulação do hotel.
• Trate bem todos os funcionários do hotel e evite qualquer tipo de rusga com eles.
• Em caso de viagens internacionais, não inclua artigos proibidos em sua lista de presentes, pois eles poderão ser expostos a todos na alfândega.

Fonte: Leão, Célia. Juízo e muito bom senso! Revista Você S.A. Março 2006.

Nenhum comentário: