Translate

quarta-feira, 25 de maio de 2011

ERRAR É HUMANO


O presidente norte-americano, Barack Obama, foi alvo da imprensa mundial, no jantar no Palácio de Buckingam, na noite de terça feira, dia 24, quando quebrou o protocolo em brindar sozinho à Rainha Elizabeth II, que demonstrou grande elegância perante o acontecido.

Os músicos da banda real começaram a tocar o hino, por engano, no meio do discurso do presidente, que continuou sua fala e levantou a taça para o brinde.

Terminado o hino, os convidados presentes, levantaram suas taças retomando ao brinde e a rainha prestou os agradecimentos às palavras do presidente.

Os gregos, após seus pantagruélicos banquetes, acompanhados de discursos, canções, poemas e vinhos, instituíram o ato de brindar.

O costume dos discursos, onde são servidos vinhos, inspirou o brinde (toast em inglês), que é uma arte cultivada por europeus e americanos. Sendo que o termo, em inglês, originou-se no século XVII, do hábito da adição de pedaços de pão torrado ao vinho para torná-lo mais agradável ao paladar.

Saudações mais utilizadas:
• Saúde (em português)
• Cheers (da Inglaterra)
• Chin-chin (do chinês: felicidade)
• Prosit (latim, utilizado na Alemanha)
• Salud (da Espanha)
• Santé (da França)
• Skol (da Escandinávia)

Recomendações ao brindar, para não errar:
• O brinde é recomendado para homenagear pessoas ou instituições.
• A pessoa homenageada ou representante da instituição deverá agradecer o brinde.
• Quem faz o brinde precisa levantar-se, ter um copo de qualquer bebida à mão e erguer o mesmo.
• A pessoa que ergue o brinde não deve estar fumando.
• Pode-se bater levemente o talher na taça para chamar a atenção dos presentes.
• Começar o brinde explicando a posição de quem faz o mesmo perante o homenageado.
• O discurso que antecede o brinde deve ser breve e não conter vulgaridades.
• Os convidados assentados não precisam se levantar para tal, basta direcionar a taça para o homenageado e beber.
• Todos os convidados devem levar a taça à boca após erguer a taça.
• Quando servirem a bebida, caso não beba bebida alcoólica, evite negativa, apenas simule o ato, levando a taça próximo aos lábios.
• É adequado tocar somente as taças mais próximas.
• Bater com força na taça é extremamente deselegante.
• O homem homenageado precisa levantar pelo menos para dizer “obrigado”.
• A mulher pode permanecer sentada, basta sorrir. Ao discursar para agradecer ela também deve se levantar.
• O agradecimento é feito em nome de um grupo, evite referências pessoais.
• Somente após o agradecimento a pessoa homenageada deve beber em retribuição.

Fonte: Pena, Betânia Andrade. Brindemos! Como? Revista Encontro. Março/2002.

Nenhum comentário: